O número de calorias indicado depende da idade, tamanho e grau de atividade dos bebês Foto: Getty Images   Tudo o que o bebê come pode refletir em sua saúde pelo resto da vida e, de acordo com uma pesquisa realizada no Reino Unido, 75% das crianças têm uma alimentação com excesso de calorias. Com isso, especialistas alertam que, mesmo com menos de 18 meses de idade, as crianças já correm risco de serem obesas na fase adulta. 
   
   A pesquisa publicada no Daily Mail foi feita com 2.683 bebês com idade entre 4 a 18 meses, em que as mães foram questionadas sobre hábitos alimentares dos filhos. Os resultados mostram que 75% dos meninos e 76% das meninas estão consumindo    mais calorias do que precisam.
   Segundo os especialistas, o número de calorias indicado depende da idade, tamanho e grau de atividade dos bebês. Mas, geralmente, crianças com menos de seis meses devem consumir 600 kcal por dia. A partir disso, deve aumentar para 750 kcal por dia até um ano.
   No entanto, uma pesquisa realizada pelo Ministério da Saúde mostra que, em média, esse limite ultrapassa 100 calorias diariamente. 
   
  Para Tam Fry, do Fórum de Crescimento Infantil, o problema muitas vezes é causado porque as mães optam por produtos industrializados que são mais calóricos do que os caseiros. Outro erro é apostar em leite em pó, que apresenta maior teor de calorias que o materno. “Quando os bebês são amamentados, eles param de sugar quando estão satisfeitos. O problema com a alimentação com fórmula é que as mães esperam que ele termine a garrafa mesmo se não tiver mais vontade”, disse o especialista.
   Para complementar, outro estudo recente mostrou que crianças são levadas para creches com lancheiras cheias de doces, chocolates e biscoitos.
Fonte: http://saude.terra.com.br/nutricao
Curta Nossa FanPage e Compartilhe Saúde: NutriDicas
Siga-nos também no Twitter e fique por dentro das Publicações